segunda-feira, 6 de junho de 2016

Sexual Parasite : Killer Pussy (2004)


Sexual Parasite: Killer Pussy (Kiseichuu: kiraa pusshii ou "A buceta Assassina" em tradução livre) é um daqueles filmes que nem precisa de uma sinopse para chamar a nossa atenção. Mesmo para quem não curte filmes de terror japoneses ou quaisquer bizarrices do gênero, o título pode causar uma certa curiosidade sobre o que gira em torno dele. Pois bem... se você imaginou um monstro parasita que mora dentro de uma vagina e sai para matar pessoas, parabéns, você acertou em cheio !


O filme começa no Amazonas (tinha que ser...) onde um casal de exploradores japoneses estão procurando o lendário "Aparache no Mogeto". Ora, mas que diabos é um Parache no Mogeto? De acordo com algumas pessoas, essa coisa teria o poder de "Rasgar a terra". Achou complicado? Então vamos simplificar as coisas com uma descrição extraída do próprio filme :

O nome científico disso é "Vagina Dentata", no Japão é conhecida como "Namazu". Namazu é outra variação desse parasita. A "Vagina Dentata" sobrevive entrando na vagina da mulher e vivendo dentro dela. Em seguida, ela cresce e espera para se alimentar de presas. Ela reside dentro do corpo e esse hospedeiro não pode ser removido facilmente. A única forma de remove-lo é com um choque elétrico.

Eu não sei se esse estranho peixe que vive nas profundezas do rio Amazonas realmente existe, evitei pesquisar sobre o tema por medo de encontrar algumas fotos de vaginas bizarras ou cirurgia vaginal no google imagem (por incrível que pareça). Quem souber alguma coisa a respeito, por favor, deixe um comentário abaixo.


Quando a dupla de exploradores formada por Maruhi Suisan e Jujo Sayoko capturam o "Aparache no Mogeto", eles são interrompidos por um curandeiro que destrói a caixa de isopor onde está o espécime, fazendo um grande buraco na parte superior. Para evitar a fuga do lendário parasita, a inteligente bióloga marinha Sayoko senta sobre o buraco e a criatura penetra o corpo dela, em um lugar que eu não preciso mencionar...

Um ano depois no Japão, um grupo de cinco amigos que viajam em uma van, acabam tendo sua viagem interrompida quando o veículo parar misteriosamente no meio da caminho. O quinteto percebem que seus celulares estão sem sinal. Eles resolvem sair para procurar ajuda e acabam encontrando uma casa no meio do nada. Pois é... todos os clichés dos filmes de terror clássicos estão presente aqui e o diretor orgulhosamente, deixa isso bem claro. Eles consomem drogas no local e fazem sexo como na maioria dos filmes de terror voltado para o público adolescente.


A farra só termina quando o cadáver de Jujo Sayoko é liberado do congelador, para o azar de dois adolescentes idiotas que só queriam procurar alguma coisa para comer. O resto você já sabe... os desaventurados jovens vão morrendo um a um até algum deles elevar o seu instinto de sobrevivência ao extremo !

A minha expectativa para assistir KILLER PUSSY era muito grande, pois eu sou um grande apreciador de exploitation japoneses. Eu não cheguei a me decepcionar com o filme, apenas não foi bem o que eu esperava ! O filme é "tosco" do começo ao fim e quando tudo acaba, dificilmente alguma coisa vai ficar na sua cabeça por algum tempo (isso é tão verdade que precisei assistir ele novamente para compor essa resenha). Sou totalmente contra quando uma pessoa crítica as atuações de atores em filmes de baixo orçamento, mas nesse caso não tem como fugir. A maioria dos atores são ruins, mesmo levando em conta que o filme é trash. Sobre a qualidade dos efeitos especiais, deixarei que as imagens deste artigo falem por elas mesmas.

Esse foi o primeiro filme de Takao Nakano que eu tive o prazer em assistir. Por falar em "prazer"... KILLER PUSSY pode pecar muito no elemento "terror", mas ele não fica devendo em nada quando o assunto é o erotismo. A melhor coisa desse filme, talvez, seja a sua ideia original (que não é tão original assim para quem já viu "A camisinha Assassina" de 1996).


Apesar dos pontos negativos e de suas falhas, SEXUAL PARASITE é um bom filme para quem já curtiu muito os filmes trash da década de 80. Ele contém mais cenas de sexo do que sangue (tanto é que eu só consegui encontrar ele em um site pornô). Vou ficar bem de olho na filmografia deste insano diretor, quem sabe ele tenha algum outro filme que possa me surpreender no futuro?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Qualquer tipo de comentário é bem-vindo, desde que tenha alguma ligação com a postagem. SPAM serão ignorados e deletados.

- Informe sobre links quebrados, isso ajuda bastante a manter o blog limpo.