quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Kill List (2011)


Olá, seja todos muito bem-vindos ao filmes Perturbadores! antes de mais nada, eu gostaria de informar que a minha ausência aqui não foi causada por falta de conteúdo ou de tempo. na verdade, o meu notebook morreu (literalmente) levando consigo toda a minha coleção de filmes que eu pretendia escrever aqui futuramente. a solução só veio meses depois quando eu decidi montar uma HD Externo com o disco rígido do meu notebook defeituoso, agora posso assistir SWAP.avi sem problemas, Oba ! 

A dica de filmes de hoje é mais um daqueles títulos rotulados como Perturbador, tinha que ser né? afinal, é este o conteúdo do Blog. para quem navega bastante pela internet garimpando bons filmes e terror, com certeza já deve ter ouvido falar de Kill List, mas afinal : este filme é perturbador mesmo? vale a pena? é o que você vai descobrir agora com quem mais entendi do assunto, modéstia a parte. 
Em Kill List (ou "lista para matar" na versão dublada), Jay é um ex-soldado que está passando por uma crise financeira ao lado de sua esposa Shel. apesar das discussões diárias e de estarem apertados por dívidas, o casal mantém uma vida "feliz" ao lado de seu filho Sam. a solução vem quando Gal, amigo de Jay, surge oferecendo uma oferta de trabalho onde eles terão que cometer três assassinatos conforme uma lista (dai vem o nome do filme). então, o que temos aqui? dois assassinos de aluguel que foram contratados por um cliente rico para matar pessoas inocentes? É... quase isso! 

Jay (Neil Maskell) é um homem um pouco perturbado, não por causa de sua crise financeira, mas sim devido a uma operação mau sucedida na KIEV quando ele ainda era soldado. sabendo disso, já é de se esperar que o nosso anti-herói perca o controle a qualquer momento ao longo do filme, certo? a boa notícia é que dois nomes desta lista são pessoas ruins que de fato merecem morrer, já a terceira vitima nem tanto... 

A primeira vítima da lista (se é que podemos chama-lo de "vítima"), trata-se de um padre, ele é morto com um simples tiro na cabeça. Não se sabe ao certo o que ele fez para está na lista, tudo o que vemos é um sorriso seguido da palavra "Obrigado", ele não faz questão nenhuma em sobreviver, muito pelo contrario. o segundo nome da lista é um bibliotecário que faz uso disso como faixada. na verdade, ele está envolvido em produções caseiras de filmes pornográficos com pedófila e muita insanidade. quem sentiria falta de um sujeito assim? para se ter uma ideia, o material de seus filmes é tão sujo que este detalhe fica em off quando Jay e Gal estão checando um filme no DVD Player, nada é mostrado para o espectador a não ser a reação de ambos. 
O filme pula para a cena seguinte, onde os dois assassinos de aluguel estão dominando o falso bibliotecário dentro de sua própria residência. Jay faz uso de um martelo para tortura-lo e acaba perdendo um pouco o controle se mostrando tão sádico quanto a sua vítima. antes de morrer o pervertido entrega a pessoa que faz as filmagens e se mostrar honrado em ser assassinado por Jay deixando um clima de suspense no ar. como já é de se esperar, o responsável pelos filmes de pedofilia também é morto, porém, ele sofre bem mais do que o bibliotecário nas mão de Jay. Após essa atividade extracurricular, os dois Hitman vão até a terceira e última vítima e acabam se metendo em uma seita satânica, onde descobrimos que não só as vítimas mas também todas as outras personagens estavam envolvidos desde o começo.

Você deve está se perguntando como termina KILL LIST, então... eu me sinto incapaz de estragar o desfecho final de um bom filme, pois acredito fielmente que as pessoas buscam resenhas para saber se vale a pena assistir-lo, no caso de "Lista para matar" vale e muito! não chega a ser essa coisa doente e perturbadora que muitos dizem ser, mas de fato é um filme desconfortante, um bom terror psicológico com boas atuações, muita violência, bullying contra evangélicos que tocam violão e um final surpreendente embora não agrade a todos. acho que o seu único ponto negativo talvez seja o fato das coisas acontecerem lentas demais,  o filme é tão devagar de tal forma que você pode acabar desistindo dele no meio do caminho. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

- Qualquer tipo de comentário é bem-vindo, desde que tenha alguma ligação com a postagem. SPAM serão ignorados e deletados.

- Informe sobre links quebrados, isso ajuda bastante a manter o blog limpo.